25 de outubro de 2009

Missio



Quando o sino da igreja tilinta,
Meu coração logo palpita.
É o sinal, o convite para a Santa Missa.


Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo...

Assim é o preâmbulo da celebração,

O ápice da vida do cristão


Bom pai, bom filho, boa mãe
Já sabe, no Domingo, não posso faltar!

O dia do Senhor me aguarda para o grande
Sacrifício do Altar.

É Cristo que renova sua entrega

Por nós pecadores sem trégua.


De joelhos e coração contrito contemplo,
Com os olhos fitos,

A hóstia elevada no altar.

Me resta dizer:
Meu Senhor e meu Deus,
Eu creio mais aumentai a minha fé.

De pé sigo confiante, sou um pecador perdoado,

Compromisso de viver dia-a-dia uma vida de ressuscitado.


Na fila da Sagrada Comunhão,

Recebo meu Senhor em forma de pão.

Na partícula: Corpo, Sangue, Alma e Divindade

Na semana: Oração, Amor e Caridade.
Ide em Paz e o Senhor vos acompanhe,

Última saudação.
Graças a Deus.
Eis o envio para a missão.



Graça e Paz, xP.


Rodrigo Stankevicz.


"Fazei isto em memória de mim." I Coríntios 11, 24



Postar um comentário