1 de junho de 2010

A vida contigo tem graça


Vamos juntos cansar o sol,
do nascer ao último raio.
Mãos dadas, sem rumo na praia,
impulsionados pelo som das ondas.
Pés na areia, pensamento no alto,
junto às gaivotas; sonhos elevados.

Desprender-se do corpo,
somos alma, amores!
Demos voz às nossas almas,
e deixemo-las livres, sem preconceitos,
sem defeitos, com efeitos;
efeitos absolutos de amor.

A vida contigo tem graça,
tem cor, poesia e liberdade.
Deixa-me leve como maresia,
Sem velo, sem respostas prontas,
Imerso na cumplicidade.

O azul se despediu, a bruma aconchegou-se.
E no sétimo minuto da lua,
perfeição do amor,
sua alma poética revela-se.
Assentados na areia
vemos um mar de sonhos.

Graça e Paz, xP.

Rodrigo Stankevicz

"É preciso não esquecer de ver a nova borboleta
nem o céu de sempre." Cecília Meireles
Postar um comentário