30 de agosto de 2009

Rosas

Se eu tivesse um jardim,
cultivaria rosas.
Rosas são belas, formosas e
exalam um perfume incomparável.

O jardim deveria ser enorme
para eu poder colher tanto
quantas rosas pudesse.

Espalharia em todos os lugares
que eu passasse.
Todos poderiam vê-las, e sentir
sua fragrância...

Eu seria um andarilho a espalhar rosas,
andaria por lugares diferentes, de difícil acesso!
Até as pessoas sentirem-se envolvidas por
tão excelso aroma, e suave beleza.

E por um só instante desviar, o olhar das
pessoas, dos espinhos, volver e fixar as
atenções para o cimo da bela flor...

Perceber que a vida não é só espinhos,
mas além dos espinhos estão a delicadeza,
o perfume que exalam as rosas.

Rodrigo Stankevicz

Graça e Paz. xP.

“aquilo que chamamos de rosa,
com outro nome, seria igualmente doce”.

Sheakespeare
Postar um comentário